quinta-feira, junho 07, 2007

Depois ...


Imagem: "O Grito", Edward Munch
Texto retirado

10 Comments:

Blogger MARIA VALADAS said...

Um grande " grito" silencioso!

Um texto que vai de encontro também aos meus silêncios!

Beijos da

Maria

10:14 da tarde  
Blogger lena said...

senti o grito do silêncio


és especial a escrever Dulce


o silêncio que se escuta, que nos faz companhia...


um abraço meu

beijinhos para ti

lena

10:38 da tarde  
Blogger Maria said...

Este "grito" do Munch arrepia-me sempre que o vejo.

Este silêncio, o "teu" silêncio que é tantas vezes o meu silêncio, é um grito silencioso...
... paraliso quando este meu grito não sai....

Um beijo grande...
(por momentos, achei que estava a "ler-me"...)

12:30 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Podias ter gritado para aqui.Por mail, SMS ou telefone.

6:54 da manhã  
Blogger Ana Ramon said...

Olá Amiga! Já estamos com outra disposição e por isso a visita aos blogs mais próximos do coração. Reparei que nem sequer te agradeci a atribuição do Même e peço que me desculpes mas realmente passámos um período difícil com tantos aborrecimentos que nem tinhamos vontade de nos sentarmos aqui a ler os post dos amigos.
Havia um banheiro na praia da Parede a quem as mães entregavam os filhos para os ensinar a nadar. Um dos conselhos que ele dava aos miúdos, era este:
Quando a onda é pequena, nós fazemos-lhe frente. Mas quando ela é grande demais, baixamo-nos e esperamos que ela nos passe por cima.
Foi mais ou menos o que fizemos :)))
Um grande beijjinho e obrigada pela amizade

3:55 da tarde  
Blogger Isabel said...

É tocante este "Grito".
Mas nada é mais perturbador e, ao mesmo tempo, angustiante do que um grito em silêncio...

Bjt

4:04 da tarde  
Blogger AnaG. said...

Muitas vezes sabe-nos bem o silêncio, quando este não é imposto e nos causa sofrimento.

Gostei muito do texto, está muito bem escrito.

Beijinho e bom fim-de-semana.

8:16 da tarde  
Blogger wind said...

Muito forte e angustiante este "grito".
Beijos

8:42 da tarde  
Blogger Pepe Luigi said...

Um grito no silêncio é algo perturbador e que nos desorienta a consciência. Porem, se esta for lúcida e clara, um grito não é mais do que o farol que nos vai na alma.

Bjs.

2:21 da tarde  
Blogger poetaeusou said...

/
eu gritoooooooooo ..
/
ji
/

10:56 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home