segunda-feira, maio 21, 2007

Inquietação

Texto retirado

A Su do blog Xanax atribuiu-me um Même, que agradeço e o Alexandre do blog Sais Minerais nomeou-me para mais um Thinking Blogger Award. Como tenho mais dois Mêmes atribuídos e para os quais não dei seguimento, aqui vai uma lista conjunta:

A Paixão dos Sentidos, onde se ensina com paixão!
Língua à Portuguesa, porque faz falta!
O Suor da Abelha, feito com doce empenho!
Palavra Puxa Palavra, um excelente desafio!
Papel de Fantasia, onde nos perdemos pelo meio das palavras!
Pé-de-Meia, construído com humor e beleza!
e só mais um, pronto ...
Trans-Atlântico, à procura de um porto seguro!

Os nomeados que dêem ou não, seguimento. Estejam à vontade!!!


15 Comments:

Blogger viajante said...

Mais uma vez acho que é demasiado para o pouco que sinto dar ao blog.
Mas fico contente (babado?) por ele transmitir algo a outros.
E vou tentar dar continuação.
Bjs

9:33 da tarde  
Blogger JPD said...

Obrigado pelo convite, Dulce.

Já editei um «Même» mas não me importo de tentar novamente.

Bjs

10:13 da tarde  
Blogger A. Jorge said...

Se escreveste tudo o que escreveste depois de se te terem esgotados as palavras, fico a imaginar como seria se tal não tivesse acontecido!

Um abraço

Jorge

http://vagabundices.wordpress.com/

12:39 da manhã  
Blogger margusta said...

Querida Dulce,
...gostei imenso de te ler, neste momento tão teu...um momento sentido...

Beijinhos para ti!

12:59 da manhã  
Blogger mafalda said...

Amiga Dulce,

Tens uma escrita muito visual, não tanto fotográfica. Mais fílmica, mesmo. O que tu escreves, e tão bem descreves, está a ser imediatamente projectado numa tela, com movimento, som e vida.

Talvez esta seja uma nova mania minha, porque recentemente disse à Maria Carvalhosa que o conto que ela intitulou de "Uma Calma manhã de Domingo" poderia dar um excelente guião para uma curta-metragem. Agora apetece-me perguntar-te: já escreveste argumentos para cinema? e se não o fizeste, porque não experimentas fazê-lo um dia destes?

Um grande beijo.

3:13 da manhã  
Blogger Paula Raposo said...

Gostei do teu texto e do eco das palavras...beijos.

11:23 da manhã  
Blogger augustoM said...

O vazio é o nosso pior inimigo, os sentidos escondem-se e as emoções ficam ausentes.
Um beijo. Augusto

1:47 da tarde  
Blogger AnaG. said...

Passo...leio....e gosto!!!

Muito...

Beijinho, Dulce.

2:47 da tarde  
Blogger wind said...

Ultimamente andas tão triste...:(
Beijos

3:50 da tarde  
Blogger mfc said...

Compreendo bem essa angústia de uma rotina feita de movimentos automáticos e olhares vazios!

O "meme" sai logo!

6:32 da tarde  
Blogger TINTA PERMANENTE said...

De inquietações feito este solilóquio a duas mãos...
Amanhã será o sorriso que confunde a lágrima com a gota da chuva que, afinal, chegou...
Abraços!

10:36 da tarde  
Blogger Isabel said...

Penso que, não será pretensão minha dizer, o quanto estamos em sintonia.
Como eu sei, o quanto o silêncio pode incomodar! Faltam as palavras mas fluem os sentimentos e as emoções que teimam em emergir; muitas vezes, na forma de teimosas lágrimas que, quase, nos queimam as faces. São momentos que vêm quebrar a nossa tranquilidade mas, que apelam à meditação e ao recuperar de um estado que chega a doer para o alívio de uma descarga emocional.
Espero uma recuperação rápida dessa triteza para podermos, de novo, ter umas palavras com sabor a adocicado de quem está bem com a Vida.

Bjt

11:57 da tarde  
Blogger Maria said...

Há dias assim, em que nos faltam as palavras, em que temos a cabeça num turbilhão de pensamentos sentimentos, em que é preciso fechar os olhos.
E descansar a cabeça nas palmas das mãos....
Há dias assim...

Beijos

12:07 da manhã  
Blogger poetaeusou said...

*
No mar. E vejo-o.
*
j
*

5:36 da tarde  
Blogger vero said...

Olá minha querida amiga, já tinha saudades de te ler... Beijos mil***

9:25 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home