quarta-feira, agosto 23, 2006

Sombras

Longe ...
Teu coração bate de saudade
Teus olhos brilham ainda mais
Tua mão desenha com ternura
Na sombra do meu corpo uma aventura
Feita de trajectos sensuais

Sem o teu rosto
Como é longa esta espera
Como é o meu dia triste ...
É como se vivesse na primavera
Quando ela já não existe

Só a tua sombra que me toma por inteiro
É que faz este dia quase verdadeiro! ...

OLIVEIRA, Albino Santos, "Gotas de Luz", Editora Xerazade, 2005, p.30

5 Comments:

Blogger wind said...

Belo!
beijos

10:47 da tarde  
Blogger Era uma vez um Girassol said...

Bonito e melancólico...
Bjs

10:58 da tarde  
Blogger lazuli said...

também ando a descobrir uma certa Dulce.
Bjs

12:47 da manhã  
Blogger Paula Raposo said...

Um bonito poema. Uma boa escolha, Dulce. Beijos.

9:42 da manhã  
Blogger escrevi said...

Pela 1ª vez vi e ouvi o clip até ao fim.
Quando abro o blog tiro logo o som para poder ler em paz o que escreves.
Por isso, não tenho a certeza que o tenhas posto só hoje.
Se foi, acho que merecia, ter sido colocado com algo escrito por ti.
Ou talvez seja o teu poema de hoje???

Bjs.

10:52 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home