segunda-feira, setembro 24, 2007

se eu soubesse...

Texto retirado

26 Comments:

Blogger wind said...

Nesta prosa focaste pelo menos 3 temas e muito bem.
Todos com uma tristeza incrível, mas escritos, paradoxalmente, são belos ao se lerem.
É terrível dormir e ao acordar ver que nada mudou...
Beijos

12:35 da manhã  
Blogger mfc said...

Não queiras saber. Apenas adormece e sonha.
Quem sabe se não acordarás amanhã num mundo novo apesar de já...usado!

12:47 da manhã  
Blogger AnaG. said...

Tão bonito, mas tão triste o teu texto...

As histórias de fadas hão-de fazer sempre parte de nós...
Inventa-as...sonha...

Acorda, mesmo neste mundo, sem nada de novo.

Boa semana
Beijitos

12:55 da manhã  
Blogger Maria said...

O Mundo novo teremos que ser nós e os nossos filhos a construí-lo, Dulce. E os nossos netos e por aí adiante.
O Mundo novo vai-se construindo. Já se está a construir, devagarinho...
Não esperes que algo aconteça. FAZ com que algo aconteça!

A tua escrita é muito bonita, já te disse, já sabes.
Às vezes penso se não serei um pouco brusca nos meus comentários....

Um beijo para ti, Dulce

2:20 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Todos os dias acordamos num mundo novo ou, pelo menos, é importante que assim se acredite.Para quem sonha, para quem acredita, há sempre fadas, há sempre sonhos nos nossos olhos e nos olhos de quem está ao nosso lado. e a criança continua nas nossas histórias,nas tuas histórias bonitas e suaves como esta.
João Norte

8:43 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

SE EU SOUBESSE...
...que uma palavra minha te dava ânimo.
...que um beijo de Amigo te fazia sorrir.
...que escrevendo algo de muito positivo- eu que o não sou - te fazia lembrar que és muito forte.
...que mandar-te flores ou aquele pôr-do-sol fazia com que teus olhos brilhassem.
...que, que, que...
eu fazia isso tudo.
Para te sentires FELIZ.

9:16 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Triste, este texto.
Não gosto quando estás assim.
Sonha, sonha sempre porque quando alguém sonha...
"O Mundo pula e avança,
Como bola colorida
entre as mãos de uma criança"

Bjs.

Escrevi

11:05 da manhã  
Blogger Su said...

se eu soubesse..................

adorei ler.te
jocas maradas de sonho

12:48 da tarde  
Blogger Bichodeconta said...

Que bonito este texto, que tocante o facto de recordar as histórias da avó docemente repartidas.. É tão bom passar por aqui.. Um beijinho, ell

3:54 da tarde  
Blogger A. Jorge said...

Devorei arrepiado palavra por palavra deste texto que é um autêntico monumento.
Algo nostálgico e triste, mas tal como na música são os mais belos!

Abraço

Jorge

http://vagabundices.wordpress.com/

6:24 da tarde  
Blogger Teté said...

Pois é uma prosa poética enternecedora e nostálgica, a transbordar tristeza. Pessimista, até...

Acredito que a criança que há em nós nos acompanha toda a vida. Quando não, como é que saberíamos rir ou brincar? E pronto, ela às vezes está mais adormecida, mas depois acorda para um outro sonho ou caminho...

Jinhos

7:14 da tarde  
Blogger Vanadis said...

Se eu soubesse que dormindo acordaria num mundo novo, não mais odiaria o momento de acordar.
Lindo, Dulce. Mesmo Lindo. Palavra talvez corriqueira, mas é mesmo essa que quero usar. =)

8:26 da tarde  
Blogger Vanadis said...

Gostava de ter palavras bonitas e optimistas para te oferecer, mas ainda tento encontrá-las para mim...quando as achar, prometo que as partilho. =)

Mais uma vez, LINDO.

8:29 da tarde  
Blogger augustoM said...

“Eu moro aqui neste ecrã onde me projecto”. Uma verdade que não é virtual. Foi um grande prazer voltar a estar contigo.
Um beijo. Augusto

9:38 da tarde  
Blogger Ana Fundo said...

Beijinhos grandes amiga :-)

2:04 da tarde  
Blogger Cusco said...

Olá!
Acabaram as férias!
Deixo os meus parabéns! Pelo texto e pelo aniversário…
Deixo o meu obrigado pelos parabéns e pelo prazer de ler este texto tão belo..
O Signo Virgem é assim…
Beijinho!

10:10 da manhã  
Blogger poetaeusou . . . said...

*
se eu soubesse . . .
como tu sabes,
de exprimir o qme me angustia ...
*
bji
*

3:41 da tarde  
Anonymous Barão Van Blogh said...

"Consome-me de dor a solidão
Mata-me a crueldade da distância"

Beijo poético .

6:38 da tarde  
Blogger Menina_marota said...

"ah! se eu soubesse que dormindo acordaria num mundo novo!"

Um sonho que já acalentou a minha alma... perdi as esperanças, mas nem tudo está perdido, tenho essa convicção.

Um texto de alma, sensível, aliás como tu o és.

Bj e bom fim de semana.

(enviei-te um email mas veio devolvido, vou reeenviar de novo...) bj

11:56 da manhã  
Blogger Sophiamar said...

deixo-te beijinhos e desejo-te um bom fim de semana.

4:12 da tarde  
Blogger AnaG. said...

Passei...
Deixo beijitos.
Bom fim-de-semana.

5:00 da tarde  
Blogger Palavras ao vento said...

Um bom texto... Em que nos faz reflectir na vida!

Bom fim de semana

Beijos da

Maria

1:16 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Emprestas-me meia dúzia de comentários para não ficar a zero.
Concordas?

6:09 da tarde  
Blogger Kalinka said...

OLÁ DULCE
hoje venho pedir-te desculpas, pois cobrei-te pela falta de visitas ao meu kalinka; acontece que já lá estiveste por 2 x e eu não vim devolver a visita - tudo porque não tenho estado bem; há sempre um motivo minha Amiga, deves saber que adoro estar neste Mundo de blogs, só mesmo não podendo é que me afasto; hoje consegui uma aberta e cá estou.
Cheguei à letra F - Como não tenho tido tempo para me dedicar ao blog, (nem à visita aos vossos blogues...) como eu gostaria, devido a vários problemas tanto da minha saúde, como da saúde de familiares meus, esta letra teve tempo para ser muito pesquisada e pensada, então, existem muitas palavras iniciadas pela letra F, que gostaria de fazer referência, daí que vou dividir a letra F em 2 posts, só num ficaria demasiado longo. F de FOFOCA - você sabia que…??? esta expressão antecede quase sempre uma
Abraços.

5:59 da tarde  
Blogger TINTA PERMANENTE said...

Tomara que houvesse um comboio (o sud-express de qualquer remota memória...) de esperança e um destino de um horizonte novo. Quem sabe se isso não é, apenas, uma questão de olhar?...
Abraço, amiga.

7:32 da tarde  
Blogger Bichodeconta said...

Na esperança renovada de cada dia, para que o amanhã seja melhor.. Para que ao acordar seja apetecivel faze-lo .. Deixo um abraço envolto em amizade que possa amenizar a tristeza evidente nessas sábias e bonitas palavras..Um beijinho ell

8:10 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home