terça-feira, outubro 31, 2006

1º Encontro dos Poetas Almadenses


No passado sábado dia 28, decorreu em Almada o 1º Encontro de Poetas Almadenses onde foi feita a apresentação de uma colectânea de poesia - Index Poesis - que reune 57 trabalhos de poetas almadenses. Esta iniciativa foi levada a cabo pela SCALA (Sociedade Cultural de Artes e Letras de Almada) e pela Associação de Cidadania de Cacilhas, FAROL, e teve o apoio de todas as autarquias do concelho.
Esta iniciativa surgiu no seguimento de outras ocorridas em Cacilhas e em consequência de um projecto de cariz cultural que teve lugar num conhecido local de Cacilhas, de nome Café com Letras , e graças ao impulso dado por Ermelinda Toscano.
Diz a própria no Prefácio desta obra, que encara "a Cultura como um instrumento legítimo de Poder que, quando efectivamente partilhado entre os diferentes agentes (instituições, autores e publico), de forma integrada, permite transformar a realidade através da compreensão dos valores da sociedade (passados, presentes e futuros)." Diz ainda Ermelinda Toscano que em 2003, quando nasceu o Café com Letras, viu ali a oportunidade de colocar em prática as suas ideias.
Ali decorreram, sempre no último sábado de cada mês, inúmeras sessões de Poesia Vadia e em consequência delas, a colecção Index Poesis.
"Durante cerca de dois anos, esta iniciativa transformou-se no "porto de abrigo" para os poemas que uma série de clientes do Café com Letras se dispunham a partilhar entre si. (...) Publicados ao ritmo da oferta, estes cadernos, apesar de serem uma edição artesanal, rapidamente se tornaram numa das atracções mobilizadoras das sessões de "Poesia Vadia" (...) onde eram apresentados."
O Café com Letras fechou infelizmente as suas portas, em Agosto do corrente ano.

Quem quiser conhecer pormenores desta iniciativa, pode consultar o Blog dos Poetas Almadenses. Aqui pode encontrar toda a história, as fotografias do encontro e os nomes dos que participam desta colectânea.

11 Comments:

Blogger escrevi said...

E, para mim, mais importante que tudo isto, é que tu tens um poema editado nesse livro que agora foi editado.

Sou a amiga mais orgulhosa do mundo.

Bjs.

9:13 da tarde  
Blogger wind said...

Já ontem vi e gostei muito:)
Faça-se cultura assim, em comunidade, com teimosia, com amor, com paixão, como dádiva, sem esperar nada em troca, só o prazer de dar:)
beijos

10:13 da tarde  
Anonymous poetaeusou said...

Oportuna Conjugação.
Blog + Citação de Cesário + Horas Mortas o Poema + Evento Almadense.
Anos sessenta, descendo ou subindo
a Avenida, á trinta anos da Liberdade, cruzava um olhar, com o
Busto / Estátua... de Cesário.
Dois pequenos extractos.
Actuais – 120 Anos Depois.
1880
A Dor humana busca os amplos horizontes,
E tem marés, de fel, como um sinistro mar!
1882
Pobre da minha geração exangue,
De ricos! Antes, como os abrutados.
POIS........
poetaeusou(conjugando)

10:25 da tarde  
Blogger JPD said...

Obrigado pela dica
Bjs

12:09 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Como um dos co-autores do livro "Que é o amor?", pode fazer o favor de ir ao blogue do livro responder a uma pergunta que está no primeiro post?

Agradecido.

António Rosa

1:32 da manhã  
Blogger Paula Raposo said...

Tive imensa pena de não poder ter estado presente. Iniciativas que merecem todo o apoio. Beijinhos, bom feriado.

8:16 da manhã  
Blogger Ines said...

:-)
Fazer obra é sempre engrandecedor!
Parabéns (a todos)!

9:50 da manhã  
Blogger Anatema said...

Por error dejé un comentario para ti en Blog dos poetas.
Te decía que me gusta mucho esa idea de propiciar esos encuentros. Os felicito a todos y os envío un abrazo.

5:11 da tarde  
Blogger Ana Fundo said...

Muitos Parabéns AMIGA!!!
Agora foi num entre tantos, a seguir será muitos num só :-)))
Beijokas
Ana

6:49 da tarde  
Blogger Poetas Almadenses said...

Obrigada Dulce por publicitares o lançamento deste nosso modesto livro (nosso, porque ele é de todos os 57 poetas que nele participam, sendo tu um deles). E é assim que se cria uma rede, tão ou mais importante que folhetos promocionais gastando milhares de euros... E, agradecemos, também, as tuas elogiosas palavras. Elas são um incentivo a todos nós.
Vai vendo as novidades lá no nosso cantinho e, se puderes, passa por Cacilhas no próximo dia 25: vai haver «Poesia Vadia» no Café Sabor & Art, a partir das 17h.
Um grande abraço poético de toda a equipa.

2:59 da tarde  
Anonymous alexandreferreira14258@gmail.com said...

Ao que se pode dizer muitos parabens
a todos os intervenientes.
Claro que o orgulho do teu amigo está em alta ao saber-te la representada com um belo poema teu.
Beijinhos

1:29 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home